quarta-feira, 18 de dezembro de 2013

500 MIL-RÉIS - TESOURO NACIONAL 1896/97 - ALEGORIA DAS ARTES E DA CULTURA




Fig. 1 – Alegoria das Artes e da Cultura elaborada pela American Bank Note Company (ABNCo.), c/1895, similar a que foi empregada na cédula de 500 Mil-Réis do Tesouro Nacional de 1896/97 (R154; P.83). (Clique para ampliar).


                        A alegoria das Artes e da Cultura[1] (Fig.1), representada acima, foi elaborada pela American Bank Note Company (ABNCo.), por volta de 1895. Ela foi utilizada na cédula brasileira de 500 Mil-Réis da 6ª estampa do Tesouro Nacional (R154; P.83), emitida em 1896/97.


Fig.2 – Specimen da cédula de 500 Mil-Réis da 6ª estampa (R154s), impressas pela ABNCo. e emitidas pelo Tesouro Nacional em 1896/97. Estas cédulas circularam até 1907. No reverso destas cédulas temos o quadro de Victor Meirelles, “A Batalha Naval do Riachuelo”.


                        A ABNCo. utilizou esta mesma Alegoria das Artes e da Cultura em outros trabalhos realizados pela empresa. Assim, encontramos, por exemplo, esta representação na cédula de 5 pesos do Banco de Ahuachapam de El Salvador (S123) e nas Ações da Childs Company, uma rede americana de restaurantes (c/1889-1961), vejamos:




Fig.3 – 5 pesos do Banco de Ahuachapam de El Salvador (S123s), cerca de 189x). No centro temos “Urânia”, a mesma alegoria da cédula brasileira.



Fig.4 – Ações da Childs Company (1956), uma rede de restaurantes americana (c/1889-1961). No centro temos a mesma alegoria constante na cédula brasileira de 500 Mil-Réis de 1896/97 e da cédula de 5 pesos do Banco de Ahuachapam de El Salvador (S123). (Clique para ampliar).



[1] Alguns a identificam como « Urânia» que na mitologia grega era a musa da astronomia e da astrologia. É geralmente representada com o globo terrestre, no qual mede posições com um compasso. 

Assuntos correlatos: